Cadastro Único – Obtenha todas as informações sobre este programa!

Muito se tem falado nos últimos anos sobre o Cadastro Único, tendo em vista que é através deste tipo de cadastramento que milhares de famílias conseguem acesso aos programas sociais do governo federal.

Mas afinal de contas, você saberia dizer se todos os cidadãos brasileiros têm direito a este tipo de cadastro? Abaixo, todas as dúvidas esclarecidas sobre os pontos do Cadastro Único, também denominado de CadÚnico. Confira com exclusividade.

O que é o Cadastro Único?

O Cadastro Único deve ser entendido como a principal porta de acesso aos benefícios sociais do Governo Federal. Estes benefícios poderão ser os seguintes:

 INSCRIÇÃO NO CADÚNICO

  • Programa auxílio Brasil.
  • Programa Bolsa Alfa;
  • Programa DF Sem Miséria;
  • Programa Morar Bem;
  • Benefício de Prestação Continuada;
  • Telefone Popular;
  • Tarifa Social;
  • Isenção no pagamento de provas de concursos públicos;
  • Programa Identidade Jovem;
  • Carteira do Idoso;
  • Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Entre outros.

Sendo assim, somente o sistema do Cadastro Único é capaz de identificar e caracterizar as famílias brasileiras com relação ao seu nível de pobreza. Essa iniciativa é coordenada pelo Ministério da Cidadania em parceria com os serviços de assistência social dos municípios.

Quem pode ser beneficiário do CadÚnico?

Poderão ter direito a cadastrar-se no Cadastro Único, todos os cidadãos brasileiros que se enquadrem no perfil que listamos abaixo:

Cadastro Único

  • Cidadãos brasileiros que possuam renda familiar de até meio salário mínimo por pessoa.
  • Famílias que possuam renda mensal de até 3 salários mínimos.
  • No caso das famílias que possuam uma renda superior a 3 salários mínimos, as mesmas precisam estar vinculadas à inclusão em programas sociais de outras esferas do governo.
  • Cidadãos brasileiros que moram sozinhos e também pessoas em situação de rua.

Cadastro Único

Como é feito o cadastro no Cadastro Único?

Caso a sua família se enquadre em um dos requisitos que mencionamos no tópico anterior, o cadastramento neste programa poderá ser feito da seguinte maneira:

  • Compareça ao Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do seu município.
  • Solicite cadastramento no CAD único.
  • É importante que o principal membro da família vá realizar este cadastro, portando os documentos dos demais familiares.

Documentos necessários para o cadastramento

O responsável pela família que quiser cadastrar-se no CadÚnico deverá comparecer ao CRAS munido dos seguintes documentos:

  • Apresentar a certidão de casamento.
  • Apresentar certidão de nascimento de todos os filhos.
  • Número de CPF.
  • Carteira de identidade.
  • Carteira de trabalho.
  • Título de eleitor.
  • Comprovante de residência atualizado.

Como saber se o meu cadastro foi efetivado?

Caso você tenha feito a inscrição no cadastro único e desejo de saber se o seu cadastro foi aprovado pelo sistema do serviço social da sua cidade.Você poderá fazer a conferência de 2 maneiras:

Cadastro Único

  • Pelo site: Neste caso, você deverá acessar o site oficial do Meu CadÚnico, preenchendo o formulário que aparecerá na sua tela com a inserção do seu nome completo, data de nascimento, nome da sua mãe e selecionando o estado onde você mora. Clique para EMITIR o documento e verá se foi aprovado. 
  • Pelo aplicativo: Vá na loja de aplicações do seu celular e pesquise pelo aplicativo meu CadÚnico. Após baixar a aplicação, basta inserir os dados solicitados e pronto.

Bom, ao longo do artigo, você viu todos os detalhes e benefícios sobre o processo do Cadastro Único do Governo Federal. Caso você e sua família tenham direito de usufruir, não deixe de cadastrar-se, pois dá acesso à uma série de benefícios sociais.

Previous articleAposentadoria INSS – Conheças as aposentadorias existentes
Next articleFarmácia Popular – O que é e como usufruir do benefício?

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva seu comentário
Seu nome